“Mídia eletrônica é uma caminho sem volta”, diz Nominando no Seminário da AMIDI

“Mídia eletrônica é uma caminho sem volta”, diz Nominando no Seminário da AMIDI
 "A mídia eletrônica é um caminho sem volta", disse o conselheiro Nominando Diniz, durante a realização do 1º Seminário de Portais da Paraíba realizado tarde desta quinta-feira (29),  no auditório do Tribunal de Contas do Estado (TCE), em João Pessoa, que reuniu cerca de 300 pessoas, entre autoridades, empresários, publicitários e jornalistas.
 
De acordo com o conselheiro Nominando Diniz, o encontro promovido pela AMIDI é importante para qualificar a despesa pública e a prestação de serviços. "Cabe ao TCE o controle dos gastos públicos, e como nós sabemos a administração pública é muito forte no orçamento dessas instituições, de mídia, escrita, televisada, digital, e diante do crescimento da mídia, o TCE decidiu acompanhar de perto, não interferindo, porque a discricionariedade é do gestor, mas avaliando a qualidade desses gastos, e você só pode avaliar se conhecer o destino desses recursos", explicou.
 
O conselheiro destacou a obrigação de a administração pública respeitar os princípios constitucionais na contratação das empresas de comunicação, sobretudo o da impessoalidade.
 
 O presidente da AMIDI, Fábio Targino, disse que o encontro das empresas de mídias digitais vai trazer transparência ao segmento e fortalecer o mercado, principalmente em um momento em que o acesso à internet está crescendo cada vez mais. "os usuários de internet passam mais tempo conectados na Paraíba, passam mais de seis horas diárias", destacou, acrescentando que em termos mercadológicos, esses padrões que estão sendo defendidos na AMIDI vão fortalecer a demonstração dos números, ratificando que o que foi contratado realmente foi entregue.
 
Targino anunciou ainda novo eventos que serão promovidos pela associação. "O seminário foi apenas o começo. Vai haver outros seminários, workshops e programa de qualificação", revelou.
 
O secretário de Estado da Comunicação, jornalista Luís Tôrres, ressaltou sua satisfação com a criação da AMIDI e lembrou que já passou por dois dos mais importantes portais de notícias, o Clickpb e o PBAgora. Luís Tôrres ainda revelou que o Governo do Estado terá uma linha de crédito especial, através do Programa Empreender/PB,  de até R$ 30 mil para  que proprietários regularizem seus portais ou blog de acordo com as regras estabelecidas pela AMIDI. 
 
No mundo, do total de pessoas que acessam a internet, 72% consomem notícia e informação. No Brasil esse número é maior: 75,6%, segundo o palestrante Emerson Teixeira, especialista em mídias digitais.
 
Presentes também à solenidade  o presidente da Associação Brasileira das Emissoras de Radiodifusão, Henrique Kirilauskas; presidente da Associação Brasileira das Agências Digitais,  Alec Maracajá; secretário adjunto de Comunicação da Prefeitura de João Pessoa, Anderson Pires; o presidente da Associação Brasileiras da Agência de Publicadas da Paraíba, Expedito Carvalho e o presidente do Sindicato das Agências de Propaganda do Estado da Paraíba, Tiago Anderson
 
 
 
RP