Menina morre e polícia não descarta possível abuso sexual, no Agreste

Menina morre e polícia não descarta possível abuso sexual, no Agreste

Nesta segunda-feira (04), uma menina de 1 ano e 3 meses morreu na cidade de Gurinhém, no Agreste paraibano.

De acordo com informações da mãe da criança colhidas pela polícia, a menina teria sofrido uma queda em casa nesse domingo e não teria se sentido mal, ficando apenas com hematomas na cabeça e pescoço. Ainda segundo ela, na manhã desta segunda ao chegar ao quarto da criança ela teria a encontrado sem vida.

Apesar da versão da mãe, a polícia suspeita de uma possível agressão, bem como abuso sexual sofrido pela criança já que os vizinhos suspeitam que a criança sofria maus tratos.

A menina morava coma mãe e o padastro que já responde por violência doméstica e vive com a mulher a cerca de quatro meses.

O corpo da criança foi levado para a Gerência de Medicina e Odontologia Legal do município de Guarabira onde deve passar por necropsia para que seja esclarecida a causa da morte.

Redação