Menina de 6 anos vê mãe, tia e avó serem mortas a pauladas, diz PM

Menina de 6 anos vê mãe, tia e avó serem mortas a pauladas, diz PM

Três mulheres foram encontradas mortas com sinais de violência no interior de uma residência na madrugada desta terça-feira (19), na rua Jerônimo Hernandes, Vila Industrial, em Bauru (SP). A filha de uma das vítimas, de apenas cinco anos, presenciou o assassinato e chamou os vizinhos.

 De acordo com o capitão da PM Paulo César Valentim, a criança contou para a polícia que estava na casa com sua mãe Cristiane Lopes Vendramini, a avó de criação Damiana Pereira Lopes e a tia Patrícia Pamela Rondora Peixoto, quando o companheiro da Patrícia chegou ao imóvel e começou a agredir sua mãe, a tia e a avó a pauladas.”As três mulheres não resistiram aos graves ferimentos e morreram no local vítimas da agressão. A criança presenciou o crime e, em seguida, o homem fugiu do local em um carro”, afirma o policial.

A criança chamou o avô, de 90 anos, que estava em um dos quartos e é deficiente auditivo. A menina também gritou por socorro aos vizinhos, que acionaram uma equipe policial. Os militares foram até o imóvel e constataram que as vítimas já estavam sem vida.

Prisão
Segundo o capitão, a criança informou quem era o companheiro da tia e os policiais realizaram patrulhamento pela área. O carro dele foi encontrado abandonado e incendiado no bairro Boa Vista. Em seguida, os militares o encontraram em seu trabalho. “Ele confessou que brigou com a Patrícia e que matou as três”, afirma o tenente Fernando Achiles.

O homem foi detido e encaminhado para a Central de Polícia Judiciária, onde será ouvido e deve ser autuado por triplo homicídio.  Ainda segundo a polícia, a criança está em estado de choque e foi encaminhada para o Conselho Tutelar.

 

 

G1