Manoel Júnior explica recusa em presidir CPI da Petrobras

Manoel Júnior explica recusa em presidir CPI da Petrobras

O deputado federal Manoel Júnior (PMDB) explicou hoje (23) porque não teria aceitado presidir a nova Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras. Em entrevista a rádio 98 FM, o peemedebista afirmou que estaria mais interessado em recuperar as ações do mandato no estado.

- Fui sondado para presidir, mas declinei e sei Hugo Motta fará com brilhantismo. O momento do meu mandato é voltado para outra ação. Não foi demérito da CPI, mas vou recuperar o meu mandato até porque passei dois anos cuidando da liderança do PMDB ao lado de Eduardo Cunha e vou me dedicar mais ao meu mandato no estado.

 

 

 

Assessoria