Mais de 100 aves silvestres são apreendidas em ação da Polícia Ambiental em João Pessoa

Mais de 100 aves silvestres são apreendidas em ação da Polícia Ambiental em João Pessoa
Uma ação da Polícia Ambiental de João Pessoa, em parceria com agentes do 1º Batalhão da Polícia Militar, realizou, após um levantamento prévio no local, um flagrante de venda irregular de aves silvestres na feira de Oitizeiro, Zona Oeste da Capital, na manhã deste domingo (1º), tendo sido feita a apreensão de mais de 100 animais.

 

Segundo o major Tibério, comandante do Batalhão Ambiental, além das aves de venda proibida e das gaiolas nas quais estavam presas, também foram recolhidas armadilhas utilizadas na captura das mesmas. O oficial disse que os animais estavam confinados em ambientes precários e pequenos. Muitos deles dividiam a mesma gaiola.


“Quando chegamos ao local, percebemos que algumas pessoas tentavam fugir e se livrar das aves para não ser pegas em flagrante. Chegamos a ver gaiolas com aves sendo jogadas por cima de muros enquanto os responsáveis pelos delitos tentavam se dispersar”, contou o major. Dois flagrantes puderam ser feitos e, segundo Tibério, os envolvidos responderão criminalmente.


A polícia ainda faria a apuração completa das apreensões, mas já era certeza que espécies como galo de campina, azulão e canário estavam entre as aves que seriam comercializadas na feira. Todo o material recolhido foi direcionado ao Batalhão Ambiental. As aves, após averiguações, seriam conduzidas ao Ibama, que poderia realizar o trabalho de reintrodução nos respectivos habitats naturais.

 
 
 
 

Correio da Paraíba