Maioria da população de JP aprova saída de Cartaxo do PT aponta pesquisa

Maioria da população de JP aprova saída de Cartaxo do PT aponta pesquisa

A população de João Pessoa aprova a saída do prefeito da Capital, Luciano Cartaxo do PT para o PSD. De acordo com a pesquisa Opinião/Sistema Arapuan 57,8% são favoráveis, enquanto apenas 21,9% são contra. 20,3% não sabem ou não responderam.

Os números se repetem em todas as faixas etárias e ambos os sexos. A aprovação da mudança lidera absolutamente chegando a alcançar 63,6%, enquanto os que desaprovam e não sabem ou não responderam alcança patamares equitativos.

Por sexo 59% dos homens e 56,9% das mulheres aprovam, enquanto 23,6% dos homens desaprovam e 17,4% não sabem ou não sabem ou não responderam e 20,4% das mulheres desaprova, e 22,7 não sabem ou não responderam.

Por faixa etária as pessoas entre 25 e 34 anos foram os que mais aprovaram a mudança do prefeito, já a reprovação é maior entre as pessoas acima dos 60 anos. Já entre a rejeição as pessoas entre 45 e 50 anos foram os maiores índices, e a menor rejeição também ficou na faixa dos 25 a 34 anos..

Entre 16 e 24 63% aprovam, 22% desaprovam e 15% não sabem; entre 25 e 34 anos 63,6% aprovam, 19,7% desaprovam e 16,7% não sabem; entre 35 e 44 anos 54,2% aprovam, 22,6% desaprovam e 16,7% não sabem; entre 45 e 59 anos, 54,5 aprovam, 23% desaprovam e 22,5% não sabem; já entre os maiores de 60 anos 53,3% aprovam, 22,4% desaprovam e 24,3% não sabem.

Pelo grau de instrução a maioria da população que aprovou tem ensino médio e ensino superior que também têm os maiores índices de desaprovação. A aprovação foi a seguinte: até a quarta série 49,3%, de 5ª a 8ª série 54,3; ensino médio 61,5% e Ensino superior 57,3%. Já a reprovação ficou em 23,9% até a quarta série; 21,3% da 5ª a 8ª série, 20,2% no Ensino médio e 24,4% no ensino superior. Já sobre os que não sabem ou não responderam 26,8% tem até a quarta série; 24,4% estão entre a 5ª e a 8ª série; 18,3% tem o ensino médio e 18,3% o ensino superior.

A partir da renda familiar a segunda faixa que vai de um a três salários mínimos ficou com a maior aprovação. E a maior rejeição foi da faixa que recebe até um salário mínimo. Até um salário mínimo 52% aprova, 25,3% desaprova e 22,7% não sabem ou não responderam; entre um e três salários mínimos 60,4% aprovam; 20,4% desaprovam e 19,2% não sabem ou não responderam; de três a cinco salários mínimos 59% da população aprova; 20,1% desaprova e 20,9% não sabem ou não responderam já acima de cinco salários mínimos 57,2% aprovam; 23,1% desaprovam e 19,7% não sabem ou não responderam.

 

 

 


Marília Domingues