Lula deporá em março como testemunha de Bumlai

Lula deporá em março como testemunha de Bumlai
A Justiça Federal marcou para o dia 14 de março a audiência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como testemunha de defesa do pecuarista José Carlos Bumlai, empresário preso na 21ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada em novembro de 2015. 
 
 
O pecuarista é réu em um processo que apura supostos ilícitos na Petrobras e reponde pelos crimes de corrupção passiva, gestão fraudulenta e lavagem de dinheiro. Empresário do Mato Grosso do Sul do setor sucroalcooleiro, Bumlai tinha excelente trânsito no governo Lula e no Palácio do Planalto.
 
 
Os dois se conheceram em 2002, apresentados pelo ex-governador sul-matogrossense Zeca do PT, e estreitaram a relação nos anos seguintes.
 
Os depoimentos das testemunhas de defesa de Bumlai — Lula e outras três pessoas — deverão ser realizadas por videoconferência, a partir das 9h30 da manhã, em São Paulo, segundo a Justiça Federal.
 
O depoimento foi marcado pelo juiz Sérgio Moro, que coordena a Lava Jato na primeira instância. Procurado pelo
Blog, o Instituto Lula afirmou que ão iria se manifestar.
 
 
 
 
 

Agência Brasil