Lucélio se irrita com cobranças do PMDB e diz que dono de voto é o povo

Lucélio se irrita com cobranças do PMDB e diz que dono de voto é o povo

Apesar de estarem unidos na teoria, o PT e o PMDB da Paraíba andam se engalfinhando na prática. Após o prefeito Luciano Cartaxo cobrar humildade do PMDB, foi a vez de Lucélio Cartaxo criticar a postura de peemedebistas que ocuparam espaços na imprensa para cobrar do Partido dos Trabalhadores nomes com densidade eleitoral para participar da chapa encabeçada por Veneziano Vital do Rego.

“Não gosto dessa história. O dono do voto é o povo e isso é perigoso, nós já vimos esse filme antes e o que aconteceu”, disse ao destacar que a população absolveu as propostas de Luciano Cartaxo e o elegeu para governar a cidade.

Lucélio também voltou a negar a possibilidade de disputar o mandato de senador e reafirmou sua disposição de concorrer a um mandato para a Câmara Federal.