Lira explica porque não reduziu idade para Senado e Câmara

Lira explica porque não reduziu idade para Senado e Câmara

O senador Raimundo Lira (PMDB) explicou o motivo de rejeitar no  relatório da Proposta de Emenda Constitucional (PEC 113) da Reforma Política, a redução de idade mínima para os candidatos disputarem os mandatos de senador e deputado federal.

Para Raimundo Lira, ele foi contra a idade de 35 para 29 anos para ser eleito senador por achar que o cargo requer pessoas com experiência.

“Porque o Senado Federal, conhecido e reconhecido como poder moderador da República, precisa de pessoas que, realmente, tenham experiências. Não é somente ter competência, mas ter, sobretudo, experiência, que só se adquire com a idade” justificou.

Lira também rejeitou a possibilidade do cidadão ser deputado federal com 18 anos. Ele argumenta que os brasileiros não podem entender que um jovem que vai completar 18 anos tenha maturidade suficiente para assumir um cargo de tamanha responsabilidade. Então ficou mantido a idade de 21 anos para se concorrer uma cadeira na Câmara Federal.

 

 

MaisPB