Líder da oposição prevê mais “brigas” entre aliados do governo

Líder da oposição prevê mais “brigas” entre aliados do governo

Após críticas do presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB), ao chefe de Gabinete do Governador Ricardo Coutinho (PSB), no último domingo (26), o líder da oposição na Casa, Renato Gadelha (PSC) , previu mais “brigas” e “defecções” entre aliados do socialista.

Em entrevista ao Portal MaisPB, Renato Gedelha disse que o governador “não gosta de sombra” e por isso costuma “abandonar os aliados mais importante” o que justificaria a concessão de poder para Fábio Maia nomear e demitir funcionários, como acusou Adriano Galdino.

“Ele prefere as pessoas que são menos independentes. Que dependam mais do governo para dar prestígio. Como o presidente Adriano tem agido de forma mais independente, ele prefere dar prestígio a Fábio Maia, que é uma pessoa idônea, mas que ainda não representa a classe política por não obter mandato e não está em sintonia com a necessidade da população”, argumentou.

Renato Gadelha disse ainda que o fato do governador delegar poderes a um terceiro fazer nomeações não condiz com a forma de governo republicano que o gestor prega.

“Ele usa isso para afastar alguns e colocar os de seu interesse. Não é a forma republicana que ele diz governar, uma forma democrática. Acho que deveria diminuir o número de comissionados e aumentar o número, se necessário, através de concurso”, afirmou.

 

 

 

 

Roberto Targino – MaisPB