Justiça Eleitoral fecha o cerco contra compra de votos na Paraíba

Justiça Eleitoral fecha o cerco contra compra de votos na Paraíba

A compra de votos é a maior preocupação do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) nas eleições municipais de outubro. Para combater a captação ilícita de sufrágios, o Tribunal já orientou os juízes eleitorais para ficarem atentos ao crime.

“Esse é um grave problema do Brasil. Os juízes eleitorais estão atentos, com o poder de polícia que eles têm, assim como os promotores eleitorais que também já receberam orientações”, explicou a coordenadora da Corregedoria Regional Eleitoral, Vanessa do Egito.

Entre os recursos para combater a compra de votos, ela destaca a elaboração de um aplicativo para celular através do qual a população poderá fiscalizar, fotografar e filmar  possíveis crimes eleitorais. “Cópia da denúncia será enviada ao Ministério Público Eleitoral”, explicou.

As informações foram veiculadas no programa Correio Debate, da 98 FM.

 

 

 

MaisPB