Irmãos acusados de crime bárbaro no Agreste são presos no Alto Sertão do Estado

Irmãos acusados de crime bárbaro no Agreste são presos no Alto Sertão do Estado

No início da noite desta quinta-feira (24/07/2014) os investigadores do Grupo Tático Especial das cidades de São Bento/Catolé do Rocha, sob o comando da Delegada Drª Silvia Alencar, efetuaram a prisão de dois irmãos foragidos da Comarca de Gurinhém-PB, os quais são responsáveis por matar, a golpes de faca e tiros de revólver, o jovem Emanuel da Silva Oliveira, com 22 anos de idade, fato ocorrido no dia 05 de Outubro de 2011, no Distrito do Cajá, localizado no município de Caldas Brandão-PB.

O crime chocou a população local, pois foi cometido com requintes de crueldade, tendo a vítima sido perseguida pelos irmãos MARTEONE MANOEL MENDES e MARCONE JOSE MENDES, os quais atearam fogo no corpo do jovem após executá-lo.

 

O setor de inteligência do G.T.E. após intenso trabalho de investigação, identificou a residência dos irmãos, MARTEONE e MARCONE, os quais circulavam tranquilamente nesta cidade sem contar jamais que pudessem ser apanhados. Entretanto, os irmãos homicidas, subestimaram a qualidade do aparato policial local, tanto que vieram se refugiar nesta cidade, onde já residiam há vários meses. 

 

A Polícia Civil de São Bento, em mais uma ação pontual, monitorou os acusados e conseguiu prendê-los no início da noite desta quinta-feira. Vale ressaltar que este trabalho foi, mais uma vez, pautado em denúncias anônimas oriundas da população, visando coibir práticas ilícitas e diminuir os índices de violência da Terra das Redes.

 

A PC de São Bento aproveita o espaço para divulgar os canais de contato, para que a população são-bentense possa continuar auxiliando na luta por uma cidade mais tranquila, fato que é responsabilidade de TODOS.