Homem acusado de estupro morre na cadeia de Coremas

Homem acusado de estupro morre na cadeia de Coremas

O pescador José Francisco Gonzaga de 49 anos preso sob a acusação de estuprar uma criança de seis anos de idade na cidade de Coremas foi encontrado morto na noite ontem na cadeia pública de Coremas onde ele estava preso. Após realizar uma vigília rotineira os policiais se depararam com o corpo do pescador que usou uma corda de náilon usada para dar descarga na bacia sanitária.

Diante do fato os policiais acionaram a pericia criminal para constatar as verdadeiras causas da morte de José Francisco Gonzaga que já foi acusado de cometer outro estupro. O pescador conhecido com Deda era natural de São José da Lagoa Tapada e morava em Coremas há cerca de 20 anos. Ele era casado e pai de dois filhos e gozava de boas amizades no município.

 

Vale News PB.