Hervázio diz que Odon quer lhe prejudicar: “Tem mágoa de mim”

Hervázio diz que Odon quer lhe prejudicar: “Tem mágoa de mim”

O deputado Hervázio Bezerra (PSB) reagiu, nesta segunda-feira (28), às declarações do irmão, o ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB), Odon Bezerra, de que pode ser candidato a vereador de João Pessoa nas eleições municipais deste ano. Segundo ele, a candidatura do irmão só prejudica o seu projeto de eleger o filho – Leo Bezerra (PSB), para uma das 27 vagas da Casa de Napoleão Laureano.

“A candidatura dele só prejudica a mim, a meu filho Leo Bezerra. Mas, Deus há de me dar forças  e responsabilidades ao meu filho para superarmos obstáculos. Nada para mim veio de graça na vida. Tudo foi com muito sofrimento. Nós só não passamos fome, mas passamos inúmeras privações na vida”, afirmou.

 
Hervázio se afastou de Odon em 2012, quando o ex-presidente da OAB-PB teria votado em Helton Renê (PCdoB) para vereador em detrimento a candidatura de Leo. Na oportunidade, Helton foi eleito e Hervázio atribui certa culpa ao irmão pela derrota de Leo.

Nesta segunda, o deputado chegou revelar detalhes da relação com Odon e o acusou de “passar a vida inteira fazendo jogo duplo”.

“Desde que nos dividimos ele tem uma certa mágoa de mim, muito embora não diga olhando nos meus olhos. Em 2010 não fez campanha para mim. Certa vez perguntei no hospital Laureano se ele tinha mágoa de mime e ele disse que não. Foi obrigado uma acareação na casa do deputado Ruy Carneiro para ele admitir. Somos irmãos, filho do mesmo pai, da mesma mãe, mas pensamos diferentes. Ele passar a vida inteira fazendo jogo duplo”, criticou.

 

 

MaisPB