Governo do Estado apoia festival de artes em Patos e oferece oficina de teatro

Governo do Estado apoia festival de artes em Patos e oferece oficina de teatro

Atores amadores ou profissionais de Patos e cidades circunvizinhas poderão participar da Oficina de Técnicas de Interpretação para Espaços Alternativos nos dias 15, 16 e 17 de abril. A atividade, que integra a programação do I Festival Espinho Branco de Artes, será ministrada por Humberto Lopes, técnico de teatro da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc).  As aulas serão realizadas na sede do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da Paraíba (Sintep), das 15h às 17h30. A ação gratuita conta com parceria Funesc.

O objetivo da oficina é levar o ator a entender a dinâmica das apresentações em espaços fora do teatro convencional. A ideia é capacitar o participante para esse tipo de interpretação em locais como ônibus, ruas e praças, trabalhando corpo, voz e a capacidade de improvisação. A oferta é de 30 vagas e as inscrições podem ser feitas pelos telefones (83) 9845-4476 ou 9418-2814 ou por e-mail veruza.guedes@gmail.com.

I Festival Espinho Branco de Artes – A primeira edição do evento acontece no período de 15 a 17 de abril, com uma programação que reúne diversas linguagens artísticas como a música, teatro, cinema e poesia para a população, movimentando a cena cultural do município de Patos e região. A programação pode ser acessada via Facebook.com/ColetivoEspinhoBranco.

A iniciativa é do Coletivo Espinho Branco, que desde 2013 trabalha na promoção de atividades de cultura e arte na Capital do Sertão. Nascido com o intuito de realizar o I Grito Rock Patos, o coletivo fez história na cidade, reunindo pessoas interessadas em criar opções alternativas de consumo de cultura e arte.

Durante os três dias do evento serão realizadas oficinas, sarau, exibição e discussão sobre cinema, fechando a noite com shows musicais de bandas paraibanas e de outros Estados. O I Festival Espinho Branco de Artes tem o apoio da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc), Centro de Cultura do Banco do Nordeste (CCBNB) e Prefeitura Municipal de Patos.

 
 
 
 
 

Secom-PB