Governo assina protocolo com empresas para ampliação do Terminal do Porto de Cabedelo

Governo assina protocolo com empresas para ampliação do Terminal do Porto de Cabedelo

O Governo do Estado, por meio da Companhia Docas da Paraíba, assina, nesta quarta-feira (13), às 16h, na sede do Porto de Cabedelo, o protocolo de intenções para a construção do Terminal de Múltiplos Usos (TMU) em parceria com 11 empresas do setor privado, nacionais e internacionais. O investimento total corresponde a R$ 450 milhões. Com o Terminal, o Porto será ampliado, compreendendo a construção de uma área para movimentação de cargas que vai ocupar aproximadamente 100.000m². Dentro desse complexo portuário, serão construídos ainda dois novos berços de atracação com 600 metros de cais. 

A vice-presidente da Companhia Docas, Gilmara Timóteo, destacou a posição privilegiada do Porto para as operações marítimas e avaliou a importância da ampliação para a estrutura competitiva. “De fato, o que muda é a capacidade operacional, pois estaremos duplicando a estrutura portuária. Com a conclusão da obra, o terminal estará apto a operar 1.600 contêineres e uma dinâmica de 115 mil TEUs ao ano”, adiantou. Um TEU é a capacidade de carga de um contentor marítimo normal de 20 pés de comprimento, por 8 de largura e 8 de altura. No entanto, a altura pode variar de 4,25 pés (1,30m), 8,5 pés (2,6m) e até 9,5 pés (2,9m). 

Gilmara ainda ressaltou a importância do empreendimento: “Servirá de estímulo econômico para toda região Nordeste, proporcionando um apoio logístico para empresas paraibanas e de estados vizinhos que dependem do escoamento de sua produção, além de cumprir as vocações portuárias de Cabedelo com total fidelidade ao plano de desenvolvimento e zoneamento do complexo portuário”. 

Sobre o TMU - Essa nova estrutura vai possibilitar também a gestão de exploração de medição de cargas e descargas, guindastes, empilhadeiras, moegas, balanças, cargas soltas e de projeto, além de se tornar apto a atuar como depositário desses volumes e gerenciar a movimentação de cargas, veículos e operações portuárias.  

A expectativa é que possa gerar cerca de 300 empregos diretos durante a sua fase operacional e mais 300 indiretos durante as obras de implantação do empreendimento.  Como contrapartida, o grupo de empresas completará a dragagem de aprofundamento do canal de acesso e bacia de evolução do Porto de Cabedelo para a cota de 11 metros de profundidade, bem como vai realizar a manutenção das ruas de acesso ao TMU. 

Durante a solenidade de assinatura, estarão presentes representantes de operadores portuários, arrendatários e de órgãos que fiscalização a ação portuárias, tais como, Polícia Federal, Receita Federal, Anvisa, Fecomércio, Fiep, CDL, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ministério do Trabalho, Capitania dos Portos da Paraíba, além de sindicatos da categoria. 

Entre os principais clientes do Porto de Cabedelo estão as empresas Milenium, Elizabeth Cimentos, Lafarge, Cimento Nassau, Ambev, Coteminas, Cimento Mizú e Brennand Cimentos. 

Sobre o Porto – O Porto de Cabedelo está localizado em uma das melhores opções logísticas do Nordeste, estendendo sua área de influência para além das divisas. Atualmente, o Porto conta com um Cais de 602 metros de extensão; calado de 11 metros de homologação; silagem para 35 mil toneladas de grãos, 14.000m² de armazéns cobertos e 18.000m² de pátio.

 

 

 

 

 

Secom PB