Governador participa de mobilização contra Aedes aegypti nas escolas públicas

Governador participa de mobilização contra Aedes aegypti nas escolas públicas

O governador Ricardo Coutinho participou, na manhã desta sexta-feira (19), da mobilização nacional da educação Zika Zero contra o Aedes aegypti, realizada na Escola Estadual Severino Dias de Oliveira - Mestre Sivuca, no bairro de Mangabeira, em João Pessoa. O presidente do Banco do Brasil, Alexandre Abreu, também esteve na ação educativa representando o Governo Federal. Por orientação do Ministério da Educação, o Zika Zero aconteceu em várias cidades brasileiras. As atividades na escola Mestre Sivuca reuniram representantes das Secretarias de Educação e Saúde, Exército Brasileiro, além de estudantes e funcionários.


Durante a ação na Escola Mestre Sivuca, houve a exibição de vídeos, palestras e ainda o lançamento do selo “Escola que ensina o valor da vida combate o mosquito Aedes aegypti”, destinado a unidades escolares que trabalham na prevenção das doenças transmitidas pelo mosquito. O governador Ricardo Coutinho visitou os stands, conversou com as crianças e destacou a importância desta ação educativa. “Estamos diante de um problema que é de responsabilidade de todos, Governo Federal, Estadual, Municipal e sociedade civil. Somente unidos vamos derrotar esse mosquito causador de tantas doenças. E a escola tem o papel de passar as orientações para as crianças e jovens levarem aos seus familiares. Através destas ações estamos conscientizando e mostrando que o combate ao Aedes é um dever de todos nós”, disse.


O presidente do Banco do Brasil, Alexandre Abreu, destacou que é preciso a conscientização da sociedade nesta luta contra o Aedes. “Estamos aqui representando a presidente Dilma Rousseff para trazer apoio a esta atividade na Paraíba. O Estado vem fazendo um excelente trabalho e quero reforçar que temos que nos unir. Todos têm que se conscientizar de que é preciso a ajuda de cada cidadão na sua casa, escola ou trabalho. Através de medidas simples como esta ação Zika Zero, poderemos eliminar o mosquito”, enfatizou.


“Várias ações educativas estão acontecendo em diversos pontos do Estado. Hoje é o dia “D” Zika Zero, mas a conscientização nas escolas vai continuar permanentemente. É essencial que todos se unam na luta contra o Aedes aegypti”, destacou o secretário de Educação, Aléssio Trindade.


A secretária da Saúde, Roberta Abath, também ressaltou que atividades como esta são fundamentais para a eliminação dos focos da dengue. “Temos um Plano Estadual de Combate à Dengue que deve envolver toda a sociedade em um mesmo objetivo, acabar com o Aedes. A educação é fundamental para a conscientização das nossas crianças. Estamos de mãos dadas em um trabalho contínuo buscando a eliminação da dengue, zika e outras doenças transmitidas pelo mosquito”, frisou.


“É muito importante a gente saber que deixando água parada em vasos ou pneus podemos estar provocando um foco do mosquito da dengue. Nós estamos mais atentos aqui na escola e em casa também. Vamos eliminar a dengue e a zika”, falou o estudante José Armando Santos, de 15 anos.


Jaciane Medeiros, de 13 anos, também participou das atividades na Escola Mestre Sivuca e disse que já sofreu com a zika. “Tive zika e outras pessoas da minha família também. A prevenção é muito importante para evitar que o mosquito nasça e a doença se espalhe ainda mais”, comentou a estudante.





Secom