Gesseiro discute com a ex-companheira e acaba assassinado por desconhecidos

Gesseiro discute com a ex-companheira e acaba assassinado por desconhecidos

A polícia ainda não tem informações sobre a autoria do assassinato do gesseiro Júnior da Silva, 38 anos. O crime aconteceu na noite dessa quinta-feira, 28, na comunidade Santa Emília de Rodat, bairro do Varadouro, em João Pessoa.

De acordo com informações colhidas pela polícia, passava das 21h quando o gesseiro resolveu ir até aquela comunidade onde reside sua ex-companheira, de nome não revelado com o objetivo de tentar a reconciliação. Na frente da casa houve discussão.

Nesse momento desconhecidos efetuaram vários disparos que atingiram Júnior da Silva que morreu no local.

A ex-companheira é a única que pode esclarecer o homicídio e identificar o criminoso, pois, segundo as primeiras informações ela discutia com a vítima quando houve os disparos.

Vizinhos da mulher informaram que presenciaram por diversas vezes o casal discutir, inclusive Junior já teria agredido a ex-companheira.

Outro assassinato – no bairro Mário Andreazza, na cidade de Bayeux, região metropolitana de João Pessoa, foi assassinado Alexsandro dos Santos, que tinha 19 anos.

O crime aconteceu também na noite de ontem. Segundo testemunhas disseram a delegada Maria das Graças, aproximadamente às 18,30, “Sandrinho’, como o jovem era conhecido, caminhava por uma rua daquele bairro quando dois homens lhe abordaram.

A dupla, que estava a pé, conversou rapidamente com o jovem e um dos desconhecidos efetuou os disparos provocando a morte de “Sandrinho” ainda no local.

Policiais que estiveram no local não souberam informar se a vítima tinha antecedentes criminais. O jovem foi atingido por mais de dez disparos.

Cardoso Filho
WSCOM Online