Gervásio diz que não quer a liderança da oposição e nega desentendimento com Anísio

Gervásio diz que não quer a liderança da oposição e nega desentendimento com Anísio

O deputado estadual Gervásio Maia Filho (PMDB) declarou nesta quinta-feira, 10, que não tem conhecimento dos motivos que levaram o petista Anísio Maia (PT) a renunciar à liderança da oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba. Ele negou que tenha havido qualquer desentendimento com Anísio.

Indagado sobre a proposta de um rodízio na liderança, Gervásio explicou que “com a mudança no quadro político da Paraíba e o crescimento da bancada de oposição, surgiu a proposta de alternância na liderança, a tendência começou a ser defendida por alguns partidos de oposição, mas tudo de forma tranquila”.

Gervásio disse que o novo líder deve ser escolhido em breve, mas não falou sobre a existência de um prazo, “com a vacância, os partidos de oposição devem conversar em breve pra definir isso”, explicou.

Questionado se seria ele o próximo líder da oposição, Gervásio afirmou que não vai atrás da liderança, “já tive a oportunidade de ser líder, mas toma muito tempo da gente. Há um ano e um mês, quando a oposição precisava de um líder, o PMDB com oito deputados e o PT com apenas dois, nós aceitamos a solicitação que o deputado Anísio nos enviou pedindo para ser o líder”, enfatizou. Ele complementou dizendo que seguirá defendendo e contribuindo com a oposição “na mesma linha de sempre”.