Galdino quer racionalizar uso de água pela construção civil

Galdino quer racionalizar uso de água pela construção civil

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino, declarou nesta terça-feira (7) ao Portal Clickpb que o uso racional de água será uma das prioridades para o segundo semestre deste ano na Casa de Epitácio Pessoa. Alguns projetos partirão da própria Mesa Diretora. Entre as propostas estão a normatização do uso de água em novas construções, com a utilização de fontes de água alternativas na construção civil, como água de poço, em substituição a água tratada utilizada na maioria dos casos.  

"Vamos criar uma legislação que obrigue a todos os prédios construídos daqui para a frente terem a individualização da conta de água, porque hoje se tiver um vazamento em um apartamento, o custo vai para todos os moradores", acrescentou Galdino.

Além disso, o presidente da ALPB afirmou durante uma entrevista na TV Master, hoje, que outra meta para o segundo semestre legislativo (28ª Legislatura) é votar o maior número de matérias possíveis através do voto aberto. "Temos algumas matérias tramitando na Casa que deliberam diversas situações em que as votações serão feitas através de voto aberto. Esperamos sancionar e colocar em prática o quando antes essas leis para que possamos dar ainda mais transparência às atividades da Casa", disse Galdino.

Na oportunidade, o presidente Adriano Galdino aproveitou para fazer um balanço dos cinco meses de sua gestão à frente do Poder Legislativo. Para ele, o primeiro semestre foi de muito trabalho, conquistas e adequações na Casa de Epitácio Pessoa. 

"Um dos meus primeiros atos como presidente foi nomear os 73 aprovados no concurso que aguardavam nomeação há cerca de dois anos. Também abrimos diálogo com servidores e o sindicato, modernizamos a Assembleia com o objetivo de otimizar o serviço prestado à sociedade e pagamos a metade do décimo terceiro no início de junho", afirmou.

Além disso, o presidente da ALPB enfatizou o trabalho em plenário, com a realização de 79 sessões plenárias, 21 reuniões das frentes parlamentares, 57 reuniões das comissões permanentes e teve 254 projetos de lei apresentados. Foram 51 projetos de lei que transformaram-se em leis e 1.312 requerimentos aprovados. "Batemos todos os recordes de proposituras dos últimos cinco anos", comemorou.

Nova sede e TV ALPB

O presidente revelou ainda que está trabalhando para estreitar ainda mais a relação do Poder Legislativo com o povo paraibano através da ampliação do sinal da TV Assembleia para o interior do Estado e a Rádio Assembleia, além de oferecer mais comodidade através da construção da nova sede da ALPB.

Adriano Galdino ressaltou também o trabalho que vem sendo executado pelos deputados na Frente Parlamentar da Água, mas que só a união da classe política vai amenizar os problemas do povo nordestino. Já sobre a CPI da telefonia, Adriano Galdino revelou que o trabalho que tem sido conduzido está muito bom, ouvindo a população em todo o Estado e todos aqueles que possam contribuir nas investigações. 

Sesquicentenário de Epitácio Pessoa

O chefe do Poder Legislativo também enfatizou a homenagem que a ALPB fez no sesquicentário de Epitácio Pessoa, com a realização de uma sessão solene e a produção de um documentário que foi exibido até pela TV Câmara. "Epitácio foi o maior de todos os paraibanos, na minha opinião, e merece uma homenagem à sua altura", concluiu.

 

 

 

 

Jornalismo Assembleia