Galdino nega gazeta na ALPB, mas vai discutir corte de ponto com deputados; Ouça

Galdino nega gazeta na ALPB, mas vai discutir corte de ponto com deputados; Ouça

Sabe a máxima de que contra fatos não há argumentos? Pois é, ela foi confirmada mais uma vez nesta quinta-feira (10), na Assembleia Legislativa. Os deputados não estavam muito satisfeitos porque o Jornal da Paraíba divulgou a lista dos parlamentares gazeteiros, aqueles que marcam o ponto na sessão, mas abandonam o plenário na hora da votação de matérias. Na sessão da quarta-feira havia 88 projetos na fila de espera e 26 deputados marcavam presença no placar. Muito mais que o mínimo, que é de 19 parlamentares. O problema é que na hora da conferência do quórum para a votação, apenas cinco estavam presentes. Então, passou-se ao grande expediente, mas para ele ser iniciado seriam necessários ao menos seis deputados. Lá só estavam cinco inicialmente. Depois chegaram outros quatro.

O presidente da Assembleia, Adriano Galdino (PSB), pré-candidato a prefeito de Campina Grande, não gostou de ver os nomes dos colegas e dele expostos no jornal e fez nesta quinta-feira um discurso dizendo que o Jornal da Paraíba mentiu. Confira:

Galdino foi seguido no seu discurso por Frei Anastácio (PT) e Jeová Campos (PSB). O primeiro, inclusive, é conhecido por ser o mais assíduo dos deputados, mas na hora da conferência do quórum, na quarta, não estava presente. Ficou revoltado com o Jornal. Foi preciso o deputado estadual Raniery Paulino (PMDB) repor a verdade. Ele lembrou que fez críticas nesta quarta à ausência dos colegas e confirmou que não houve votação simplesmente porque os colegas não estavam presentes, apesar de terem marcado o ponto.

 

 

 

 

Blog do Suetoni