Fulgêncio vê contradição de PMDB e PSDB por integrar Frente

Fulgêncio vê contradição de PMDB e PSDB por integrar Frente

O secretário de Articulação Política de João Pessoa, Adalberto Fulgêncio, considerou, nesta segunda-feira (10), que partidos como o PMDB, PSDB e outros que participam da gestão municipal estão sendo contraditórios ao integrarem  ‘Frente de Oposição’ na Capital da Paraíba.

“O PMDB em nível nacional apóia o governo Dilma e os vereadores apóiam o governo municipal. Essas contradições estão no PMDB, não são nossas. Os parlamentares do PSDB não foram ao evento, estão apoiando a gente. Essa contradição, é do PSDB”, destacou  Fulgêncio.

Para Adalberto Fulgêncio, a base do governo na Câmara é “muito heterogênea” e a reunião de hoje diz respeito apenas aos partidos.

O base do governo sempre atendeu as mensagens do Poder Municipal e a gente vai mantendo essa base”, afirmou.

Quanto a criação da frente, Adalbeto considerou ‘natural’, mas acabou alfinetando os adversários.

“Enquanto o PT governa, a oposição pensa muito em eleição. Mas acho um pouco natural na disputa”, argumentou.

 

 

 

 

Roberto Targino – MaisPB