Feira de orgânicos traz produtos livres de agrotóxicos para consumidores

Feira de orgânicos traz produtos livres de agrotóxicos para consumidores
Um dos maiores produtores do Nordeste de alimentos orgânicos, a Paraíba tem 149 hectares de área plantada - via agricultura familiar -, além de duas grandes fazendas, que produzem orgânicos para abastecer os supermercados da região. Entre as redes que se beneficiam dessa produção, o Pão de Açúcar realiza até o dia 26 a 'Feira de Orgânicos', uma oportunidade para os adeptos da alimentação saudável e consumidores que querem conhecer os benefícios dos produtos livres de agrotóxicos, de encontrarem uma maior variedade de itens, como frutas, legumes e verduras. A estimativa da rede é que as vendas sejam até 25% maiores que na feira do ano passado. 

Atualmente, as lojas Pão de Açúcar em João Pessoa contam com mais de 200 itens orgânicos nas suas gôndolas. Apesar dos campeões em venda ainda serem as folhagens, legumes e frutas, o cliente encontra nas lojas carnes, massas, molhos, ovos, sucos, itens de mercearia, padaria e congelados, tornando possível que o consumidor crie refeições completas com alimentos orgânicos em todos os momentos do dia: café da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar.  

A Feira de Orgânicos reforça o posicionamento marca, pioneira na inclusão de produtos orgânicos no varejo nacional há mais de 20 anos. E a rede mantém forte investimento neste mercado, sempre em parceria com fornecedores regionais. A rede conta com 140 fornecedores registrados em todo o Brasil e tem como objetivo continuar desenvolvendo-os para que não apenas continuem apostando na produção orgânica, mas cresçam como agricultores. A rede desenvolve capacitação para os fornecedores e garante a compra da produção para oferecer um produto de qualidade a preços competitivos. Além disso, o Pão de Açúcar conta com uma marca própria, Taeq, que possui aproximadamente 230 itens orgânicos em seu portfólio. 
 
Mercado cresce anualmente - Dados levantados na última edição da BioBrazil Fair/Biofach América Latina – eventos conjuntos voltados aos segmentos de produtos orgânicos, naturais e sustentáveis, apontam que o mercado brasileiro de produtos orgânicos cresceu 35% de 2012 para 2013, representando um volume comercializado equivalente a R$ 1,5 bilhão. E a expectativa para 2014 é que o mercado interno de produtos orgânicos fature R$ 2 bilhões.
 
 
 

Assessoria