Ex-secretário de Saúde defende regulamentação cinquentinhas e diz que acidentes são uma ‘epidemia’

Ex-secretário de Saúde defende regulamentação cinquentinhas e diz que acidentes são uma ‘epidemia’

Agora secretário de Desenvolvimento e Articulação Municipal, o ex-secretário de Saúde da Paraíba, Waldson Souza, afirmou que a não regulamentação dos veículos ciclomotores (cinquentinhas) são uma epidemia na Saúde pública e está comprometendo a funcionalidade dos hospitais.


O secretário foi direto afirmando que já vem falando há vários anos que mais da metade dos atendimentos nos hospitais, principalmente de grande porte, são de vítimas de acidentes com motocicletas. “Esses dados são confirmados pela Saúde, Detran, DER, polícias… O sistema integrado, criado pela Secretaria de Saúde monitora esse tipo de acidente e sempre vem associado a álcool ou segurança, algum evento com produto fruto de roubo e se transforma em um segundo delito”, ressalta.


Souza ainda lembrou que essa é uma questão nacional e apontou a necessidade de regulamentação de forma urgente. “Não se pode ter um Hospital de Trauma disponível apenas para um tipo de questão de Saúde”, reclama, além de lembrar os custos desse tipo de paciente. De acordo com Waldson, é geralmente caro para se tratar de uma vítima de acidente com motocicleta. “Geralmente tem trauma encefálico, precisa de neurocirurgia, próteses e o tempo no leito em UTI muito grande”, afirma, lembrando que esse tipo de paciente retira a capacidade do hospital de tratar outros casos como AVCs por exemplo.

 
 
 
 


Marília Domingues