Empresária estaria nos EUA e pode ter aplicado golpes de até R$ 2 mi na Paraíba

Empresária estaria nos EUA e pode ter aplicado golpes de até R$ 2 mi na Paraíba

A empresária paraibana Mariana Reis, que está sendo procurada por ser suspeita de vender pacotes de viagens falsos na Paraíba, pode ter causado um calote de R$ 2 milhões. Nas redes sociais, internautas afirmam que após aplicar os golpes e empresária fugiu para os Estados Unidos. A identidade da suspeita foi divulgada pela Secretaria de Segurança Pública da Paraíba.
O golpe era praticado na rede de agências de viagens da suspeita, que funcionava em dois shoppings da Capital e no bairro de Tambauzinho, na Zona Leste da cidade.

As investigações da polícia mostraram que a suspeita se passava por representante legal de uma empresa de cruzeiros marítimos de nível internacional para praticar a fraude.

Após a descoberta do golpe pelas vítimas, a empresária fechou as agências de viagens que funcionavam em João Pessoa e fugiu.

Na página do Facebook do jornalista do jornal Correio da Paraíba, Fábio Cardoso, vários internautas comentaram o crime e um deles afirmo que a empresária teria fugido para os Estados Unidos.

 

 

 

 

 

Portal Correio