Em Porto Alegre, Dilma pedala acompanhada de seguranças

Em Porto Alegre, Dilma pedala acompanhada de seguranças

A presidente Dilma Rousseff saiu logo cedo de casa, na manhã deste sábado (23), em Porto Alegre para dar continuidade a sua rotina diária de exercícios. Ela desembarcou na noite de sexta-feira (22) no Rio Grande do Sul para passar o final de semana com a família.

Dilma pedalou aproximadamente cinco quilômetros pela Avenida Beira-Rio, passando pelo estádio do Internacional, Barra Shopping e segui até a Rótula das Cuias. Ela fez o trajeto acompanhada de dois seguranças, além de um veículo no qual estava mais um guarda-costas.

O exercício matinal da presidente na Zona Sul da capital gaúcha começou por volta das 6h30 e seguiu até por volta das 7h.

Ela desembarcou do avião presidencial  na Base Aérea de Canoas, na noite de sexta-feira, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

Em seguida ela embarcou em um helicóptero e seguiu para o bairro Cristal, na Zona Sul.

No início deste mês, nasceu na capital gaúcha o segundo neto de Dilma, Guilherme – o primeiro neto dela se chama Gabriel. A viagem não estava prevista na agenda oficial, mas nos últimos dias já existia a especulação de que ela poderia embarcar nesta sexta para encontrar a família.

A mãe de Guilherme e Gabriel, Paula Araújo, única filha da presidente, mora em Porto Alegre com o marido. O ex-marido de Dilma, Carlos Araújo também mora na capital e costuma receber a presidente em sua casa.

Mais cedo, Dilma participou em Brasília de um ato do PDT, partido ao qual ela já foi filiada. No discurso, ela comparou o pedido de impeachment do ex-presidente Getulio Vargas ao momento atual, atacou o que chamou de tentativas "golpistas" e ressaltou não haver acusações contra ela por desvio de dinheiro público.

 

 

 

G1