Em nove meses, Prefeitura de Diamante movimentou mais de 7,8 milhões de reais

Em nove meses, Prefeitura de Diamante movimentou mais de 7,8 milhões de reais
De janeiro a setembro deste ano, a Prefeitura de Diamante empenhou despesas gerais que chegam a 9, 2 milhões de reais, e conseguiu pagar pouco mais de 7,8 milhões. Foi esse todo o recurso que o município movimentou no período de nove meses. Nesses números estão incluídos o instituto municipal de previdência.
 
A maior parte desse dinheiro, cerca de R$ 5. 156.906, 83, foi para o pagamento do funcionalismo municipal (ativos e inativos) no período. Com dificuldades para pagar a folha em função do seu alto custo, a Prefeitura diminuiu o número de servidores contratados de 155 para pouco mais de 70 entre agosto e setembro. Houve uma redução também no número de servidores do instituto de previdência de 50 para 30. Com as reduções, o número de servidores municipais ativos, no geral, chegou a 426 no mês nove.
 
Alguns dos outros gastos mais expressivos no período foram com material de consumo, cerca de 634 mil reais, e serviços de consultoria, cujas despesas chegaram a 215 mil, valor bem superior ao que se gastou com obras e instalações, 147 mil reais.
 
Já o gasto com serviços de terceiros (pessoa física e jurídica) ultrapassou um milhão e meio de reais entre janeiro e setembro, mas algo em torno de 300 mil reais dessa despesa ficou para ser paga nos meses posteriores. 
 
 
 
folhadovali