Em jogo polêmico, Campinense larga na frente sobre Globo

Em jogo polêmico, Campinense larga na frente sobre Globo

Campinense e Globo-RN iniciaram a decisão de 180 minutos por uma vaga na terceira fase da Série D do Campeonato Brasileira em uma partida marcada por polêmicas da arbitragem. Melhor para Raposa, que com um jogador a mais, saiu atrás, mas virou o jogo nos acréscimos e agora joga pelo empate no jogo de volta para chegar à terceira fase da competição nacional.

O time norte-rio-grandense saiu na frente com um golaço anotado por Romarinho, aos 33 minutos da primeira etapa. O atacante arriscou de longe e acertou o ângulo defendido por Gledson.

O primeiro tempo do rubro-negro paraibano foi fraco, sem muita produção ofensiva.

No entanto, ainda nos primeiros 45 minutos inicias, a arbitragem foi alvo de muita reclamação por parte da equipe do Globo, que viu seu meio campista Tiago Lima ser expulso após cometer falta sobre Téssio, no meio campo.

No segundo tempo, o técnico Paulo Moroni mexeu na Raposa, colocando o atacante Alex Sandro na vaga de Filipe Ramon. Com mais iniciativa, o Campinense passou a ocupar mais o sistema defensivo dos visitantes. Aos 4 minutos, Júnior Chicão acertou a trave de cabeça. Caprichosamente a bola não entrou. Em inferioridade numérica o Globo se resumia a se defender. Eis que aos 32 minutos, o lance capital do jogo também viria a ser questionado pelo time do Globo. Alex Sandro recebeu na área e limpou parcialmente o zagueiro Jamerson, que fez o corte por baixo. O árbitro Elmo Resende, de Goiás, viu pênalti no lance. O próprio Alex Sandro cobrou e empatou.

Na pressão, o Campinense chegou a virada nos acréscimos. Aos 47, Alex Sandro lançou milimetricamente Danilo, que de pé esquerdo, na saída de Rafael, fez explodir o Amigão: Raposa 2 a 1.

O resultado permite que o Campinense jogue pelo empate no jogo de volta, no próximo domingo, no estádio Barretão, em Ceará-Mirim. Ao Globo basta uma vitória simples por 1 a 0. Em caso de novo 2 a 1, só que para o Globo, a decisão da vaga será nos pênaltis.

Ficha técnica de Campinense 2 x 1 Globo-RN

Data-Horário: 24/07/2016 – 19h
Local: Estádio Amigão, em Campina Grande
Competição: Campeonato Brasileiro – Série D (Jogo de ida-segunda fase)
Arbitragem: Elmo Alves Resende (GO); Marcelino Castro de Nazaré (PE) e Bruno César Chaves Vieira (PE)

Cartões amarelos: Leandro Sobral (C); Tiago Lima, Leomir, Niander, Luizão (G)
Cartão vermelho: Tiago Lima (G)

Campinense: Glédson, Everaldo (Doda), Joécio, Rafael Jensen e Danilo; Leandro Sobral (Téssio), Magno, Filipe Ramon (Alex Sandro) e Jussimar; Júnior Chicão e Reginaldo Júnior. Técnico: Paulo Moroni.

Globo-RN: Rafael, Ângelo, Negreti, Jamerson e Renatinho Carioca; Niander, Leomir (Cosme), Pablo Oliveira e Tiago Lima; Vavá (Geovane) e Romarinho. Técnico: Luizinho Lopes.

 

 

 

 

 

MaisPB