Em Ingá, idosa é vítima de tentativa de estupro

Em Ingá, idosa é vítima de tentativa de estupro

A caminho da igreja, uma idosa de 74 anos foi vítima de uma tentativa de estupro na cidade de Ingá, no Agreste paraibano, na noite dessa sexta-feira (2). Segundo a polícia, o crime só não foi consumado porque o suspeito teria confundido um carro da Energisa com uma viatura da polícia militar e fugido do local.  A idosa pediu socorro aos funcionários da distribuidora de energia, que acionaram a polícia.

Em declaração a polícia, a idosa relatou que um homem, que estava em um veículo de cor cinza, teria pedido informações sobre como chegar a uma casa quando ela estava indo à igreja. Com o objetivo de ajudar, a vítima teria entrado no carro para ensinar o caminho, quando percebeu que o homem desviou o caminho e foi em direção à BR-230. Ao chegar na rodovia,  o suspeito entrou em uma estrada de barro e ordenou que a idosa tirasse a roupa. Neste momento, o carro da Energisa passou e o suspeito, achando que se tratava de uma viatura da Polícia Militar, desistiu do crime.

Bastante abalada, a vítima foi encaminhada para o hospital de Ingá, mas já foi liberada. Segundo o sargento Ricardo Ramos, da 3ª Companhia da Polícia Militar, estão sendo feitas diligências em busca do suspeito da tentativa de estupro. Nenhuma queixa foi prestada na Delegacia de Ingá até a manhã deste sábado.

 

 

 

Click PB