Eleições na Paraíba: Pesquisas nem sempre mostram a realidade e podem trazer surpresas

Eleições na Paraíba: Pesquisas nem sempre mostram a realidade e podem trazer surpresas

Há menos de quatro meses para as eleições deste ano, recentes pesquisas eleitorais criam um clima de 'já ganhou' para o senador Cássio Cunha Lima (PSDB). Contudo, esse clima pode ser abafado pelo fato de que o governador Ricardo Coutinho (PSB), mostrou-se expert em desmentir pesquisas.

Enquanto em 2010, os números apontavam uma distância cada vez maior entre o candidato José Maranhão (PMDB) e o socialista, as urnas mostraram um resultado diferente. Contrariando as pesquisas de boca de urna no primeiro turno, que apontavam a vitória do candidato do PMBD já na primeira etapa da eleição, Coutinho ganhou na ocasião com uma pequena vantagem, de 8.367 votos sobre o peemedebista, candidato apoiado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. No Estado, ambos os candidatos apoiam a presidenciável Dilma Rousseff (PT) na corrida presidencial. 

O cenário inicial se repete em 2014. Desta vez, candidato a reeleição, Coutinho que perdeu o apoio de Cássio, que lançou a sua própria candidatura, vem em segundo nas pesquisas e o candidato peemedebista, desta vez, Veneziano Vital do Rego em terceiro.

A última pesquisa divulgada pelo Instituto Souza Lopes no dia 26 de maio, Cássio aparece com 45% nas menções dos entrevistados, Ricardo vem com 26% e Veneziano com 10%. O que daria uma vitória no primeiro turno para o tucano, assim como José Maranhão 'possuía' 2010.  

Na espontânea, Cássio também aparece na frente, com 30% das menções enquanto Ricardo Tem 20% e Veneziano 5%. 

A pesquisa foi realizada entre os dias 20 e 23 de maio de 2014 com 1.500 entrevistados. A margem de erro é de 2,6 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no TRE-PB sob o protocolo nº PB-00010/2014 e no TSE sob o protocolo nº BR-00125/2014.

Anteriormente, no dia 22 de Abril, o portal Paraíba.com.br, em parceria com o Instituto Múltipla, publicou uma pesquisa que apontava um provável segundo turno entre Cássio e Ricardo. O tucano aparecia com 39%, Ricardo com 26% e Veneziano com 10%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 10 e 14 de abril de 2014 com 1.000 entrevistados. A margem de erro da pesquisa é de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos e está registrada do TRE-PB sob o protocolo PB-00006/2014.

O próprio presidente do Instituto Sousa Lopes, Bruno Sousa Lopes, afirmou que não se deve usar as pesquisas para apontar um vencedor, pois nenhuma candidatura foi lançada ainda. 

Já o senador Cássio comemorou o fato de estar subindo nas pesquisas, confirmando o clima, enquanto o governador Ricardo Coutinho, preferiu não se posicionar afirmando apenas que está focado na administração estadual e só fará campanha quando chegar o tempo, além disso ele acrescentou que é 'escolado' em pesquisa, referindo-se claramente as eleições passadas. 

O resultado desta eleição só será verdadeiramente conhecido no dia 5 de outubro, até lá, as pesquisas só podem gerar especulações.  

 


Redação