Edital do concurso do Ministério Público da Paraíba será publicado até o final deste mês

Edital do concurso do Ministério Público da Paraíba será publicado até o final deste mês

A fase de elaboração do edital do concurso para servidores do Ministério Público da Paraíba (MPPB), cujas provas estão previstas para serem aplicadas na primeira quinzena do mês de julho deste ano, foi encerrada na tarde desta quinta-feira (16). O conteúdo programático das disciplinas, as normas do concurso e o cronograma já estão definidos e o edital deverá ser publicado até o final deste mês de abril.

“O procurador-geral de Justiça, Bertrand Asfora, irá dar o aval e definir a publicação do edital até o final deste mês”, confirma o promotor de Justiça João Arlindo Corrêa Neto, presidente da Comissão Especial do Concurso Público para Servidores do MPPB, que ainda é composta pelo promotor de Justiça José Leonardo Clementino Pinto e pelos servidores Marcos Vinícius Ferreira Cesário, Célia Maria Bezerra de Melo e Ícaro Ramalho.

A reunião de encerramento do edital realizada na tarde desta quinta-feira, na Diretoria Administrativa do MPPB, também contou com a participação do diretor Uirá Alencar, da Diretoria de Tecnologia da Informação (Ditec) da instituição. “Com a Ditec, estamos otimizando uma página específica do concurso, que poderá ser acessada por meio de um linque dentro do portal do Ministério Público. Essa página será lançada quando da publicação do edital”, adianta o promotor João Arlindo.

No último dia 31 de março, ficou definido que a Fundação Carlos Chagas, sediada em São Paulo, será a responsável pela organização e aplicação do concurso público para servidores do Ministério Público da Paraíba. Na oportunidade, o procurador-geral de Justiça Bertrand Asfora assinou o contrato com a Fundação Carlos Chagas, visando a realização do certame.

Número de vagas

Também em março, a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou o Projeto 36/2015 que criou, extinguiu e redistribuiu cargos de provimento efetivo e comissionado no quadro de serviços auxiliares do MPPB, alterando a Lei 10.432, de janeiro de 2015. A criação de novos cargos de servidores permite que o concurso público, já em andamento, contemple 104 vagas de servidores, ao invés das 38 inicialmente previstas. A medida representa um incremento de 38% no quadro de servidores efetivos do MPPB. A nova legislação já foi sancionado pelo governador Ricardo Coutinho (PSB).

 
 
 
 

Assessoria