Dono de panificadora é autuado acusado de estuprar criança de 13 anos

Dono de panificadora é autuado acusado de estuprar criança de 13 anos

A polícia ainda não informou se o empresário do ramo de panificação já foi encaminhado para um dos presídios da Capital. Ele é acusado de ter praticado estupro contra uma criança de 13 anos em João Pessoa.

Consta de informações da mãe da garota a delegada Maria Rodrigues, sua filha havia ido para um evento gospel na práia de tambaú ao ser convidada por uma jovem conhecida por Joérica, levando a garota até o veículo do empresário, um Golf preto onde o dono passou a aliciar a menina.

“A mulher, que é uma aliciadora de menor, conhecida como Joérica e que participava da igreja onde eu congrego, chamou minha filha para ir até o carro onde estava esse empresário. A menina estava acompanhada de um amiguinho, mas ele ficou longe por orientação da aliciadora”, disse a mãe.

A menor afirmou que ficou cerca de 30 minutos dentro de carro sendo acariciadas nas partes íntimas. O empresário teria oferecido R$ 200 e um celular como recompensa. “A menina dizia que estava doendo e homem continuou acariciando as partes íntimas dela. O empresário queria marcar um encontro com a minha filha nesta segunda e disse que lhe daria um celular e R$ 200 para relação sexual”, relatou a mãe da garota.

Após a denúncia na delegacia, a polícia passou a diligenciar e encontrou na bolsa da garota o número do telefone do empresário e o nome de sua empresa. Com informações de testemunhas a polícia foi até a casa do proprietário da panificadora Bonfim que foi autuado em flagrante. 

Fonte: Wscom