Documentos refletem divergências de governistas PT e PMDB; compare

Documentos refletem divergências de governistas PT e PMDB; compare

PT e PMDB divulgaram nesta quinta-feira (29) documentos com avaliações distintas sobre os cenários político e econômico.

Com base nesses textos, o G1 localizou pontos de divergência entre os dois principais partidos da coalizão do governo.

Os trechos reproduzidos abaixo foram extraídos da "Resolução Política sobre Conjuntura", divulgada pelo PT, e do documento "Uma Ponte para o Futuro", do PMDB.

A resolução do PT foi aprovada após reunião do diretório nacional da legenda, nesta quinta (28), em Brasília.

O documento do PMDB, divulgado no mesmo dia, servirá como base para as discussões do seminário sobre a conjuntura política que a Fundação Ulysses Guimarães, ligada ao partido, promoverá em novembro.

Veja abaixo trechos dos textos de cada um dos dois documentos sobre oito temas.

 

TEMA

logomarca do pt (Foto: reprodução)

 

logomarca do pmdb (Foto: reprodução)

 

CRISE ECONÔMICA

 

"O pano de fundo do aprofundamento dos conflitos políticos e sociais está no prolongamento da crise mundial do capitalismo. As distintas burguesias locais buscam, por todas as formas, reduzir custos de produção, manter e/ou aumentar suas margens de lucro."

"Estagnação econômica e esgotamento da capacidade fiscal do Estado não são fenômenos circunscritos apenas à esfera econômica. São fontes de mal-estar social e de conflitos políticos profundos."

AJUSTE FISCAL

 

"A recuperação fiscal do Estado deve ser encaminhada com medidas que aumentem a tributação sobre a renda, a riqueza e a propriedade dos extratos mais abastados, ao mesmo tempo em que o governo reduza seus gastos financeiros."

"Sem um ajuste de caráter permanente que sinalize um equilíbrio duradouro das contas públicas, a economia não vai retomar seu crescimento e a crise deve se agravar ainda mais. Esta é uma questão prévia, sem cuja solução qualquer esforço para relançar a economia será inútil."

NOVOS IMPOSTOS

 

"[É] extremamente positiva a proposta de reintrodução da CPMF, entre outras iniciativas governamentais que buscam reformar progressivamente o sistema de tributação e preservar os programas sociais estabelecidos desde 2003."

"Qualquer ajuste de longo prazo deveria, em princípio, evitar aumento de impostos, salvo em situação de extrema emergência e com amplo consentimento social. [...] Taxar mais as famílias e as empresas, transferindo seus recursos para o Estado, parece ser algo disfuncional."

PROGRAMAS SOCIAIS

"Cortes nos gastos sociais ou nos investimentos públicos, posição defendida pelos porta-vozes do capital financeiro, são incapazes de enfrentar o problema central dos cofres estatais e expressam interesses de setores rentistas."

"Nos últimos anos é possível dizer que o Governo Federal cometeu excessos, seja criando novos programas, seja ampliando os antigos, ou mesmo admitindo novos servidores ou assumindo investimentos acima da capacidade fiscal do Estado."

CRESCIMENTO

 

"Mudanças [na política econômica] podem reagrupar as forças populares e democráticas ao redor de um programa de desenvolvimento sustentado pela expansão do mercado interno, pela ampliação dos investimentos estatais, pela defesa do emprego e a majoração contínua da renda dos trabalhadores."

"Nos últimos anos o crescimento foi movido por ganhos extraordinários do setor externo e o aumento do consumo das famílias, alimentado pelo crescimento da renda pessoal e pela expansão do crédito ao consumo. Esses motores esgotaram-se e um novo ciclo de crescimento deverá apoiar-se no investimento privado e nos ganhos de competitividade do setor externo, tanto do agronegócio, quanto do setor industrial."

POLÍTICA ECONÔMICA

 

"Consideramos fundamental a retomada do funcionamento pleno do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social [...] espaço de diálogo social e de formulação de políticas para o crescimento econômico do país."

"Criação da Autoridade Orçamentária, com competência para avaliar os programas públicos, acompanhar e analisar as variáveis que afetam as receitas e despesas, bem como acompanhar a ordem constitucional que determina o equilíbrio fiscal."

CRISE POLÍTICA

 

"A situação congressual agravou-se também pela preponderância, dentro da bancada do   PMDB na Câmara dos Deputados, de sua ala mais reacionária, capitaneada pelo deputado Eduardo Cunha."

"O país clama por pacificação, pois o aprofundamento das divisões e a disseminação do ódio e dos ressentimentos estão inviabilizando os consensos políticos sem os quais nossas crises se tornarão cada vez maiores."

ARTICULAÇÃO POLÍTICA

 

"Principal objetivo tático é derrotar a escalada golpista, isolar a oposição de direita e recuperar as condições plenas de governabilidade. Este movimento tem mais chances de êxito se acompanhado por mudanças na política econômica."

"Impõe-se a formação de uma maioria política, mesmo que transitória ou circunstancial, capaz, de num prazo curto, produzir todas estas decisões na sociedade e no Congresso Nacional. Não temos outro caminho a não ser procurar o entendimento e a cooperação."

 

 

G1