Dilma pode ser investigada por indicar Lula para ministério

Dilma pode ser investigada por indicar Lula para ministério

A Procuradoria Geral da República já estuda pedir ao Supremo Tribunal Federal autorização para investigar a presidente Dilma Rousseff por desvio de finalidade, informa o repórter Marcelo Cosme, da GloboNews. O pedido de investigação deve acontecer em breve, dentro do contexto da gravação autorizada pelo juiz federal Sérgio Moro, em que Dilma combina com o ex-presidente Lula enviar o termo de posse.

Para investigadores, Dilma nomeou Lula ministro-chefe da Casa Civil para que o ex-presidente ganhasse o foro especial do STF. Outras gravações com autorização judicial revelaram o temor de petistas de que Lula poderia ser preso a qualquer momento por decisão da primeira instância. Para integrantes da PGR, independentemente do processo de impeachment, essa investigação terá que ser feita.

Para investigadores da PGR, a investigação precisa ser feita agora porque, se a espera for longa, Dilma pode perder o cargo de presidente, e o caso passa para a primeira instância.

Lula
Em relação a Lula, a PGR já avalia que o ex-presidente petista não terá chance de ser ministro. Os procuradores estudam, agora, como deve ser dividida a investigação sobre ele na Lava Jato, separando o trecho que vai para o Supremo e o que ficará com a Justiça Federal do Paraná. Para investigadores, a situação do ex-presidente é delicada.

 

 

 

 

 

 

G1