Deputado prevê dificuldade para o PMDB manter bancada e ainda aguarda o PT

Deputado prevê dificuldade para o PMDB manter bancada e ainda aguarda o PT

O deputado estadual Raniery Paulino (PMDB) reconheceu, nesta terça-feira (15), que o PMDB terá dificuldades para montar uma grande bancada na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) e na Câmara dos Deputados, na eleição deste ano. O motivo é o lançamento da coligação ‘puro sangue’, ou seja, sem partidos aliados no mesmo grupo.

Raniery também afirmou que, mesmo com a aliança consolidada entre o PT e o PSB do governador e candidato a reeleição Ricardo Coutinho, o PMDB ainda espera a chegada do bloco petista na coligação encabeçada pela legenda.

O parlamentar destacou a aliança nacional entre os dois partidos e a união nas eleições de 2010 na Paraíba, que ajudou o PT a eleger três deputados estaduais – Anísio Maia, Frei Anastácio e Luciano Cartaxo -, “formalizando uma bancada de oposição sólida com o PMDB, na Casa de Epitácio Pessoa”.

“Dificuldades [para eleger deputados] existem e todos os partidos estão sentindo isso. Mas, ainda estamos na expectativa de formalizar a aliança com o Partido dos Trabalhadores. É uma aliança interessante, pois, se fizermos um checklist, percebe-se facilmente que o PMDB e o PT juntos têm mais convergências do que divergências”, analisou.

“Além disso, me parece que a maioria do partido no interior do Estado entende que o Governo do PSB foi nocivo ao PT e aquela campanha de 2012, em João Pessoa, apresentou rusgas insanáveis. Mas, eu respeito o posicionamento, afinal, se os quero [Os petistas] próximos de nós, porque irei criticá-los”, complementou.

Ângelo Medeiros
WSCOM Online