Delação: R$ 150 milhões de propinas para PMDB e PT

Delação: R$ 150 milhões de propinas para PMDB e PT

Delação premiada de executivos da empreiteira Andrade Gutierrez aponta pagamento de cerca de R$ 150 milhões em propina na obra da hidrelétrica de Belo Monte, informa o jornal O Estado de São Paulo.

O valor se referiria a acerto de 1% sobre contratos e teria como destino PT, PMDB e agentes públicos ligados a esses dois partidos.

Entre os depoimentos homologados estão os do ex-presidente da empreiteira Otávio Azevedo e do ex-executivo Flávio Barra.

Ainda de acordo com o jornal, planilha de doações da empresa indicou R$ 15,7 milhões para a campanha presidencial de Dilma Rousseff de 2010 e R$ 34,68 milhões para a de 2014.

Os recursos foram registrados como doações legais.

 

 

 

 

*Com informações do estadao