“Cunha pode se transformar no maior delator da Lava Jato”, diz vice-presidente do Senado

“Cunha pode se transformar no maior delator da Lava Jato”, diz vice-presidente do Senado

O vice-presidente do Senado, Jorge Viana (PT-AC), comentou nesta quinta-feira (5) o afastamento do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), determinado pelo Supremo Tribunal Federal. Na avaliação de Viana, caso o peemedebista seja preso, ele “pode se transformar no maior delator da Lava Jato, danificar de morte o PMDB e acabar com o governo Temer antes de começar”.

O senador criticou a tentativa de golpe contra a presidenta Dilma Rousseff e a contradição de ter Cunha como uma das figuras centrais do processo. “Como alguém pode ter autoridade para conduzir impeachment e não pode exercer um simples mandato de deputado? Isso desmascara o golpe e mostra a ilegitimidade do impeachment. Crise política se agrava”, escreveu em sua página no Facebook.