Cotada para disputar PMCG pelo PP, Daniela dispara contra tentativa de polarização na Rainha da Borborema

Cotada para disputar PMCG pelo PP, Daniela dispara contra tentativa de polarização na Rainha da Borborema

Cotada como pré-candidata do PP para disputar as eleições municipais em Campina Grande, a deputada estadual Daniella Ribeiro não poupou críticas aos adversários que tentam fazer da cidade “um curral eleitoral”. A carapuça veste principalmente no PMDB e no PSDB, que são os dois grupos que governam o município há mais de 20 anos.

“Campina merece ter alternativas para serem escolhidas daquilo que já está cansada, de dois grupos políticos, um fala do outro, do que um faz e que o outro não faz, as criticas são parecidas. O povo de Campina é bastante critico, é sino, não existe curral eleitoral na cidade, o que muitos querem é tentar implantar na cidade essa marca de curral eleitoral, mas Campina não merece isso”, disparou.

Daniella deixou claro que o PP tem todas as condições de lançar candidatura própria, mas o martelo só será batido até o final desse primeiro semestre. “Graças a Deus o PP tem projetos, tem nomes, então significa dizer que sim, que o PP tem condições de lançar um nome e ser mais uma alternativa para quem está cansado dessa tentativa de polarização entre apenas dois grupos”, disse.

Sobre uma aliança em um eventual segundo turno, Daniella preferiu não se antecipar. “Não vou falar daquilo que não sei se vai sequer existir, mas uma coisa é certa, o PP tem projetos para a cidade, e não um projeto de poder e pessoal, mas sim um projeto para que a cidade cresça e volte a ter um crescimento de verdade”, ressaltou.

Essa semana, em entrevista à rádio Campina FM, a parlamentar a negar que seu partido, o PP, estivesse se aproximando do PSDB com vistas às eleições 2016.

Com informações de Henrique Lima





PB Agora