Com avanço da Petrobras, Bovespa fecha em alta nesta quinta-feira

Com avanço da Petrobras, Bovespa fecha em alta nesta quinta-feira

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou em trajetória positiva nesta quinta-feira (15), quebrando uma sequência de quatro pregões no vermelho, amparada principalmente nos fortes ganhos das ações da Petrobras.

O principal índice de ações da bolsa subiu 0,80%, aos 48.026 pontos. Veja a cotação.

As ações da Petrobras acentuaram os ganhos ao longo do dia. Perto do fechamento, as ordinárias subiam mais de 8% e as preferenciais, quase 7%, depois que a companhia confirmou que deve divulgar o balanço do terceiro trimestre do ano passado não auditado no dia 27 de janeiro.

A companhia afirmou ontem que deve publicar o balanço não auditado nesta data. O anúncio, porém, vai depender do resultado da reunião do conselho de administração que acontecerá nesse dia, quando os membros vão analisar as demonstrações financeiras da estatal.

"Há muita especulação e giro com Petrobras. Dados de produção e repiques do petróleo ajudam, mas boa parte dos investidores ainda aguarda a poeira baixar", disse à Reuters o gerente de renda variável da Fator Corretora, Frederico Lukaisus.

"Ontem o petróleo subiu após o fechamento da bolsa no Brasil e a Petrobras bateu limites de alta no after market. Hoje as ações passam por ajuste, além de continuarem seguindo o petróleo", disse Frederico Lukaisus, gerente de bolsa da Fator Corretora.

"Além disso, o minério deu uma leve recuperada e as commodities metálicas avançam", acrescenta.

Destaques de baixa
Na outra ponta, as ações do setor de energia lideraram as baixas, do dia principalmente as de companhias geradoras como a CPFL Energia, com incertezas ainda presentes no setor em razão das chuvas fracas.

No exterior, números da China agradaram o mercado. Os bancos chineses emitiram 697,3 bilhões de yuan (US$ 112,5 bilhões) em novos empréstimos em dezembro, 18,1% abaixo dos 852,7 bilhões de yuan (US$ 137,5 bilhões) registrados em novembro, de acordo com dados do Banco Central da China divulgados nesta quinta-feira.

Mas o financiamento social total, uma medida mais ampla de crédito na economia, aumentou para 1,69 trilhão de yuan (US$ 272,6 bilhões) em dezembro, ante 1,15 trilhão de yuan (US$ 185,5 bilhões) em novembro.

Na véspera, a Bovespa fechou no vermelho, com influência negativa da Vale e da Petrobras. O Ibovespa recuou 0,82%, aos 47.645 pontos.

O dólar fechou em alta nesta quinta-feira, após recuar abaixo de R$ 2,60 durante o pregão e atrair investidores comprando divisas aproveitando a cotação considerada barata. A moeda norte-americana avançou 0,80%, a R$ 2,6342 na venda.

 
 
 

G1