Cobra da espécie jiboia é capturada em obra da transposição na região de São José de Piranhas

Cobra da espécie jiboia é capturada em obra da transposição na região de São José de Piranhas

Trabalhadores que atuam em uma obra do Projeto de Integração do Rio São Francisco, na região de Boa Vista, município de São José de Piranhas, encontraram neste fim de semana uma cobra da espécie jibóia, no local onde está sendo construída uma barragem com capacidade para armazenar 200 milhões de metros cúbicos de água.

O animal apareceu na área de monitoramento no trecho da transposição e foi resgatado pelos operários sem maiores problemas. Depois foi solto no seu habitat natural distante do local onde as máquinas os homens estão trabalhando na obra, sem causar prejuízo ao meio ambiente.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a jibóia não é venenosa, e não ataca o homem. Ao contrário, foge à sua aproximação. Ela costuma atacar principalmente aves, mamíferos pequenos e lagartos grandes

Fonte: Radar Sertanejo