Charlinton Machado diz que PT vai recorrer contra aliança com o PMDB

Charlinton Machado diz que PT vai recorrer contra aliança com o PMDB
O presidente estadual do Partido dos Trabalhadores na Paraíba, Charliton Machado, revelou nesta segunda-feira (07), que a  decisão sobre com qual partido o PT irá se coligar nas eleições deste ano será tomada pela Justiça Eleitoral. Charliton Machado declarou ainda que os advogados do partido devem ingressar nas próximas horas com um recurso no Tribunal Regional Eleitoral do Estado contra petição protocolada pela nacional determinando que a aliança seja formalizada com o PMDB em apoio à candidatura do senador Vital Filho, candidato ao governo.

O diretório nacional do PT protocolou no sábado (5), uma petição no TRE-PB informando que a coligação estadual da legenda será com o PMDB, que tem como candidato o senador Vital do Rêgo Filho. Do outro lado, o PT da Paraíba tentará manter, com o recurso, a aliança com o PSB, que tem o governador Ricardo Coutinho como candidato a reeleição.

Charliton Machado defendeu que a Executiva estadual está cumprindo a legislação vigente e, por isso, seguirá com coligação com o PSB e candidatura ao Senado de Lucélio Cartaxo (PT).

“O PT da Paraíba já tomou sua decisão política. Seguiremos na campanha com o governador Ricardo Coutinho, com Lucélio Cartaxo e trabalhando para reeleger a presidente Dilma Roussefff”, disse.

Ele afirmou que não existe possibilidade dos petistas apoiarem a candidatura de Vital do Rêgo e criticou o peemedebista.

“O PMDB destruiu a candidatura de Veneziano, que é um homem correto. Ele teve a candidatura destruída pelo próprio partido. O PMDB tirou alguém que era uma pessoa que viável para colocar uma pessoa sem nenhuma expressão. Essa candidatura de Vital está a serviço da coligação do proporcional, o objetivo é destruir os candidatos do PT e eleger os do PMDB”, disparou.

Já o presidente estadual do PMDB, José Maranhão, mostrou-se tranquilo em relação ao recurso que será impetrado pelo PT. Segundo ele, a vinda do integrante do diretório nacional na Paraíba para formalizar no TRE-PB o pedido de coligação garante a aliança entre o PT e PMDB.

"Esse é um direito que todo partido político tem de questionar aquilo do que é de seu interesse, mas é indiscutível a legalidade do processo de registro da nossa candidatura com a aliança com o PT, porque foi o próprio PT nacional que através que apresentou na justiça o registro da aliança com o PMDB", disse. 

 

 

Fonte: PBHOJE e Assessoria