Chapão com Cássio, Agra, Veneziano, Rômulo e Santiago é especulado

Chapão com Cássio, Agra, Veneziano, Rômulo e Santiago é especulado
Num estado onde a política já uniu Wilson Braga e os Cunha Lima, Maranhão e Ricardo Coutinho, e Cássio com o último, nada pode ser descartado. O Blog teve acesso a uma informação que começa a tomar corpo e forma. Com o objetivo de unir (de vez) a classe política paraibana em torno do desenvolvimento do Estado, uma grande aliança começa a surgir e poderá acabar de vez com o sonho de reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB).
A chapa seria montada com Cássio governador, Luciano Agra vice-governador e Veneziano senador. Rômulo Gouveia e Wilson Santiago sairiam candidatos a deputado federal com a garantia de disputarem as duas vagas do Senado em 2018. Ambos evitariam uma disputa incerta e voltariam para a Câmara Federal sem problemas e gastando pouco. 
Já Veneziano, teria a garantia de disputar a sucessão de Cássio. E caso as regras do jogo mudem e o mandato passe a ser de cinco anos e sem reeleição, melhor ainda para o Cabeludo, que teria que se comprometer a não lançar candidato contra Romero Rodrigues na disputa pela prefeitura de Campina Grande em 2016.
Caso essa especulação vire realidade, Ricardo Coutinho ficaria sem palanque nas dez maiores cidades do estado, restando apenas o apoio de Bayeux. mas o pior está por vir, o governador teria o menor tempo de rádio e TV da campanha, pois perderá partidos grandes como o PSDB, PSD, DEM e PPS. Com exceção do PSD (que não existia) os demais estiveram coligados com Ricardo em 2010. Por baixo, o governador perderia quase 8 minutos de propaganda.
Com o PMDB e PTB unindo-se a esse grupo, Cássio teria o maior tempo de TV já conquistado numa campanha de governador. Sem palanque, bancada na Assembléia e propagando no rádio e na TV, Ricardo seria um mero coadjuvante lutando para não passar vergonha numa eleição plebiscitária.
O chapão também contaria com o todo poderoso presidente da Assembléia Legislativa, Ricardo Marcelo (PEN), capaz de reunir quase a unanimidade dos deputados estaduais em torno da candidatura de Cássio. Quem acompanhou as últimas declarações do senador Cássio e do ex-prefeito Veneziano, percebem uma mudança nítida no discurso de ambos, que leva a crer na consolidação do chapão. (com Alan Kardec)