Cássio aparece pela 1ª vez em público com Agra na festa de de Dunga Jr.

Cássio aparece pela 1ª vez em público com Agra na festa de de Dunga Jr.
 O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) avaliou neste domingo (16), durante comemoração do aniversário do ex-deputado Carlos Dunga Jr. (PSDB), filho do deputado Carlos Dunga (PTB), realizada em Campina Grande, ser contrário aos que se utilizam do poder para massacrar pessoas. Foi a primeira vez que em público ao lado do ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Agra (PEN) - provável candidato a vice na chapa do tucano - bem como do senador Cícero Lucena (PSDB). 
Pelo tom do discurso proferido, ficou evidente que o senador vai fazer sua pré-campanha ao Governo tocando a essência no binômio solidariedade e humildade. "Ruim é quem não escuta, quem não tolera críticas", observou o senador adiantando que "quem impõe sua vontade e quando você não convive com o contraditório...".
Pra ele, pessoas com visão democrática, além de ouvir, saber beijar e abraçar as pessoas com amor e fraternidade, observou ele adiantando que "eu não consigo ver o poder como um espaço para massacrar as pessoas, para você ser temido e não querido". Conforme observou: "Prefiro ser querido a ser temido". 
 
(com Padre Albeni)