Campinense sofre, mas está nas semifinais da Copa do Nordeste

Campinense sofre, mas está nas semifinais da Copa do Nordeste

O Campinense está nas semifinais da Copa do Nordeste. Em uma partida nervosa, o rubro-negro viu o Salgueiro abrir 2 a 0 e ameaçar uma classificação dada como certa. Adalgiso Pitbull, que acabara de entrar,  no entanto, desafogou o Amigão, aos 35 minutos do segundo tempo. Com o direito de perder por um gol de diferença, já que bateu o Carcará na ida por 2 a 0, a Raposa está em sua segunda semifinal de Nordestão. O adversário será novamente um pernambucano, o Sport Recife, vítima na campanha vitoriosa do time cartola em 2013.

Com uma postura de franco atirador, o técnico do Salgueiro Sergio China promoveu oito mudanças em relação a primeira partida das quartas de final. Francisco Diá por sua vez manteve a mesma formação da vitória no Cornélio de Barros.

Com 10 minutos de bola rolando, o Campinense desperdiçou duas grandes oportunidades com Rodrigão, de cara para Mondragon. A partir daí começou o drama rubro-negro, que permitira o Salgueiro crescer no jogo.

O primeiro tempo foi equilibrado, com o Campinense tendo dificuldades de aproveitar os espaços permitidos pelo Carcará.

No fim da primeira etapa, o gol. Escanteio cobrado e tumulto na área, Ranieri pegou a sobra e chutou na barriga de Anderson Lessa, que sem querer, em posição duvidosa, diminuiu a vantagem raposeira no agregado. O tento pernambucano provocou um nervosismo desnecessário nos paraibanos.

O Salgueiro amassou o Campinense, ganhou o meio campo e chegou ao segundo gol com Piauí, aos 29 minutos, que livre na grande área só fez tocar na saída de Gledson, 2×0. O resultado levaria a decisão da vaga para os pênaltis.

Após o gol, Diá trocou Rogér Gaúcho por Adalgiso Pitbull. Aos 35 minutos, em uma jogada de muita insistência, o camisa 18 ganhou na força e contou com a contribuição de Mondragon para recolocar a Raposa no jogo.

Os 10 minutos restantes foram dramáticos, com o Salgueiro lutando bravamente até o fim e a Raposa se segurando.

Além da vaga nas semifinais, o Campinense embolsa mais R$ 450 mil de cota, acumulando um total de R$ 1,3 milhão na atual edição da Copa do Nordeste.

 

 

 

MaisPB
Maurílio Júnior