Brasil começa perdendo, mas vira partida contra Itália no Grand Prix

Brasil começa perdendo, mas vira partida contra Itália no Grand Prix

Nesta sexta-feira, o Brasil voltou a vencer no Grand Prix de vôlei. Após a derrota por 3 a 0 para a China em Macau, as brasileiras abriram as partidas de Ancara, na Turquia, com vitória sobre a Itália por 3 sets a 1, de virada, parciais de 24-26, 25-22, 25-13 e 25-22.

No primeiro set, muitos erros decisivos colocaram as italianas na frente. Com o placar igualado durante quase toda a parcial, as brasileiras abriram 22 a 20, mas viram a Itália virar a partida e fechar o set em 26-24.

A partir da segunda parcial, a ponteira Natália entrou na partida e desequilibrou. No começo, o jogo seguiu equilibrado, mas um ponto da central Thaísa aumentou a vantagem brasileira para 18-14. Um erro de saque fechou o set em 25-22.

A equipe de José Roberto veio como um rolo compressor para o terceiro set. Com todas as jogadoras muito bem e uma defesa dominante, o Brasil logo abriu 18-8 e a diferença só aumentou, terminando em 25-13.

O bom retrospecto defensivo mudou de lado no quarto set. Precisando da vitória, as italianas conseguiram abrir 13-7 no placar. Aos poucos, recuperando a calma, o Brasil voltou ao jogo com Natália e Fabiana atacando muito bem. Com seis pontos seguidos, as brasileiras empataram o placar e caminharam para fechar o set e o jogo.

Ao todo, foram 36 erros da Itália contra apenas 14 do Brasil. Em bloqueios, 14 para o lado brasileiro e 12 para as rivais, que ainda garantiram seis aces contra apenas dois do Brasil. Natália foi a maior pontuadora brasileira, com 14 pontos, enquanto a italiana Paola Egonu, de apenas 17 anos, foi a líder da partida, com 23.

Neste sábado, o Brasil volta à quadra às 8h30 (de Brasília), em nova partida contra a Bélgica. Com 16 pontos, a equipe bicampeã olímpica é a quarta colocada da classificação geral, atrás de EUA (18), China (17, mas com um jogo a menos) e Rússia (17).

 

 

 

Gazeta Net