Benjamim acusa Maranhão de usar o Judiciário contra Wilma e culpa o tio pela doença da prefeita

Benjamim acusa Maranhão de usar o Judiciário contra Wilma e culpa o tio pela doença da prefeita

Após o ex-governador José Maranhão (PMDB) colocar um ponto final nas discussões acerca de problemas familiares causados por escolhas políticas, o deputado federal Benjamim Maranhão (SDD) soltou o verbo e disse que Maranhão foi “desumano” com a sua família. Benjamim acusou o tio de formar uma frente de oposição à prefeita de Araruna, Wilma Maranhão.

Segundo o parlamentar, Maranhão tem agido de forma desrespeitosa e inaceitável. Benjamim disse que sempre foi fiel ao seu tio e atribuiu a ele os maiores sacrifícios que fez na vida política e pessoal. “Esses problemas relacionados ao câncer tem um fundo emocional muito grande e qualquer coisa que acontecer com Dona Wilma eu vou atribuir a José Maranhão, o que ele está fazendo é uma desumanidade, ele está mostrando que é um homem frio e calculista”, disse o parlamentar. Ele seguiu dizendo que considera uma “safadeza” o ex-governador procurar vereadores da cidade para formar uma frente de esquerda para fazer oposição à prefeita, “que sempre zelou pela vida pública dele”.

O áudio foi veiculado na Rádio Sanhauá no início da tarde desta segunda-feira (31). Benjamim disse mais, afirmou que Maranhão tem se aproveitado da posição da esposa e usa também a justiça para ferir Wilma Maranhão e sua gestão. “Ele está usando o Tribunal de Justiça porque a esposa dele não poderia estar se envolvendo em política, mas se envolve; fica incentivando através do cunhado dele aqui em Araruna, esse tipo de safadeza de estar cooptando vereadores para fazer oposição a irmã.”, finalizou.