BANCADA DE OPOSIÇÃO COBRA RELAÇÃO DE OBRAS ANUNCIADAS PELA PREFEITURA

BANCADA DE OPOSIÇÃO COBRA RELAÇÃO DE OBRAS ANUNCIADAS PELA PREFEITURA

A bancada de oposição da Câmara Municipal de Campina Grande apresentou requerimento solicitando a relação detalhada das mil obras anunciadas pelo prefeito Romero Rodrigues, como realizações de sua gestão até agora. Na lista deve constar a relação das obras, com endereço, data do início e da finalização, além do valor total e investimento da administração municipal. O requerimento foi assinado pelo líder da oposição Murilo Galdino (PSB) e pelos vereadores Anderson Maia (PSB), Napoleão Maracajá (PC do B), Olímpio Oliveira (PMDB) e Galego do Leite (PTN) e Rodrigo Ramos (SDD). 

O princípio da publicidade administrativa previsto no artigo 37º da Constituição Federal prevê a obrigatoriedade da transparência de gestão.  “Uma prestação de contas é fundamental para dar credibilidade à campanha publicitária da Prefeitura que anuncia a realização de mais de mil obras pela gestão atual”, disse Murilo. 

Entre algumas das obras anunciadas pela Prefeitura de Campina Grande, mas que sequer começaram a ser executadas, o vereador citou a fábrica de aviões, a Alça Leste, a Avenida João Suassuna e a Feira Central. “A administração municipal apresentou de maneira midiática, várias ações que não saíram do papel. Eu acho que o governo municipal só deveria fazer esses lançamentos quando estivesse realmente estivesse tudo pronto, porque causa uma impressão de realização, mas na prática não há nada”.

De acordo com Murilo Galdino, o projeto da fábrica além de não ter sido iniciado, ainda apresentou erros. “Essa fábrica foi anunciada há mais de dois anos, mas apresentou problemas no projeto e ainda não tem os recursos assegurados. Na qualidade de representantes do povo precisamos saber exatamente se as mil obras alardeadas realmente existem”.

 

Assessoria