Atleta é pego em exame e vira 1º a perder medalha por doping

Atleta é pego em exame e vira 1º a perder medalha por doping

As Olimpíada do Rio 2016 registraram, nesta quinta (18), o primeiro caso de atleta a perder sua medalha por doping. Izzat Artykov, do Quirguistão, terá sua medalha de bronze, conquistada no levantamento de peso, retirada pela organização dos Jogos. O competidor foi pego por uso – veja só! – de estricnina.

A substância é popularmente conhecida como um potente veneno, muito usado como pesticida, sobretudo, no combate a ratos. Em seres humanos, a estricnina, além de morte por envenenamento, pode causar convulsões e asfixia quando ingerida em doses superiores a 30 miligramas. No entanto, quando ingerida em menores quantidades, como o caso do quirguistanês, a estricnina pode servir como estimulante.

Artykov havia conquistado a única medalha do Quirguistão nos Jogos até aqui, após levantar 339 kg. Quarto colocado no levantamento de peso, categoria até 69 kg, o colombiano Luis Javier Mosquera Lozano, que levantou apenas um quilo a menos que o rival, vai herdar a medalha de bronze da competição.

 

 

 

Lance