Até novembro, Piancó devia quase R$ 4 milhões, Itaporanga e Conceição 1,4 milhão

Em onze meses de exercício financeiro, ou seja, entre janeiro e novembro do ano passado, Piancó foi a prefeitura regional que mais empenhou despesas, totalizando mais de 30 milhões de reais, e ficou longe de quitar todas essas dívidas.

O total de empenhos pagos chegou a mais de 26 milhões, mas o endividamento com o comércio e o setor de serviço chegou a quase 4 milhões de reais, um desequilíbrio financeiro considerável para o penúltimo mês do ano.

Já Itaporanga e Conceição tinham, até novembro, 1,4 milhão de reais, cada uma delas, de despesas não pagas no período referido.

A Prefeitura de Itaporanga, incluindo o Fundo municipal de Saúde, empenhou 24, 5 milhões de reais de despesas e pagou pouco mais de 23 milhões entre janeiro e novembro de 2013.

Já o município de Conceição, no mesmo período, empenhou 22,5 milhões de reais de despesas e pagou pouco mais de 21 milhões, totalizando uma dívida próxima de cerca de 1 milhão e 400 mil reais, o mesmo endividamento de Itaporanga.

Os números foram apurados pela Folha com base nas informações das próprias Prefeituras repassadas ao Tribunal de Contas do Estado.

 

Fonte: Folha do Vale.