Assembleia realiza audiência pública e discute segurança pública no Estado

Assembleia realiza audiência pública e discute segurança pública no Estado

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), através da Comissão de Administração, Serviço Público e Segurança, realizou nesta terça-feira (28) uma Audiência Pública para discutir sobre a segurança pública no Estado.

A reunião ocorreu no mini plenário Deputado Judivan Cabral e contou com a presença dos deputados Anísio Maia, Tovar e Zé Paulo de Santa Rita. Além disso, o encontro contou com a participação do professor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e sociólogo Ariosvaldo Diniz, que proferiu uma palestra, além de Deusimar Guedes, do Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas.
Segundo o deputado Anísio Maia, presidente da Comissão, o assunto da segurança pública tem sido discutido com a sociedade, inclusive com sessões itinerantes. “Estamos ouvindo setores da sociedade e interagindo com os órgãos de segurança para criar mecanismos que visem otimizar ações no setor”, ressaltou.

O deputado Tovar destacou a importância do debate. “Essa Comissão está aqui para colaborar. Precisamos debater os problemas do nosso Estado interagindo com as instituições e conseguiremos avançar com diálogo e levando projetos na área para serem discutindo no plenário”, argumentou.

Já o professor Ariosvaldo Diniz afirma que a violência é resultado de um processo social. “O Brasil como um todo passa por problemas na área de segurança. Jovens têm sido vítimas da violência e cidades mais pacatas estão sofrendo com insegurança.

Deusimar Guedes salienta que o envolvimento da sociedade é preponderante para a segurança pública. Disse também que o sistema criminal precisa ser desburocratizado e as polícias integradas. “As instituições de segurança necessitam que a informação circule para que o sistema como um todo possa ser mais ágil. Além disso precisamos avançar no âmbito da perícia e inteligência”, defendeu.

Ao final da audiência, ficou acordado uma nova audiência para discutir o assunto com a sociedade e a elaboração de um Plano de Enfrentamento à Segurança Pública para o Estado.

 

 

 

MaisPB